10 julho, 2018

À terça - imagens e palavras: tempo


Uma semana!
Durante uma semana fui avó a tempo inteiro da minha pequenina de 22 meses.
Por ela, retornei à infância e brinquei, cantei, dancei, pulei, rebolei. 
E mimei, mimei muito a pequenina. Mimei e fui mimada, com beijos babados, abraços apertados e risinhos de alegria.
Por ela, alterei rotinas, cozinhei papinhas, vi desenhos animados, escondi livros, canetas, lápis. A rapariga não lê mas rasga, não escreve mas enche de "grafites" portas, paredes, mesas e sofás.
E olhei, minuto a minuto, por ela e para ela. Olhava embevecida aquele ser pequenino, e sentia o coração pular de gratidão. 
A semana passou e logo os papás e a mana a vieram buscar. E a casa silenciou e entristeceu.
Então, agradeci a Deus a semana maravilhosa e pedi-lhe TEMPO, tempo para ver crescer a Madalena.
Ser avó é bom demais!

9 comentários:

  1. Nossa!!!! Quando a Madalena começar a entender as coisas, leia esse texto para ela, não esqueça disso, amiga!! Vai para o Baú das emoções da tua netinha. Os pais dela guardarão para sempre esse teu lindo texto, parabéns, quando a gente está com a alma em festa, é assim que as coisas saem do coração!
    Beijo e beijo!

    ResponderEliminar
  2. Sei muito bem como é isso! É mesmo maravilhoso e tão bom quando os temos por perto! beijos, lindo post e Madalena deve ter adorado! chica

    ResponderEliminar
  3. Querida Teresa

    Um texto emocionante! Extrai-se daqui muito amor e dedicação e a felicidade imensa de se ser avó. Diz-se que Avó é mãe duas vezes. não é? Se tivesse alguma dúvida, estas tuas palavras varrer-mas-iam por completo.

    Felicidades te desejo, minha amiga, e tenhas todo o TEMPO do mundo para viveres as tuas emoções junto à tua Família.

    Beijinhos

    Olinda

    ResponderEliminar
  4. Mulher! Essa fase é maravilhosa!
    Eu me vejo nessa sua postagem.
    Vai la no Espelhando e veja
    a minha pequena de 16 meses.
    Penso que a vida fica mais
    colorida quando nos assumimos avós.
    Bjins
    CatiahoAlc.

    ResponderEliminar
  5. Boa tarde, a sua enorme felicidade é revelada pelo que escreve, é muito bom que se sinta a avó mais feliz do mundo.
    Continuação de feliz semana e todos os dias a seguir.
    AG

    ResponderEliminar
  6. Minha amiga cronista, pude te ver brincando com a netinha ao colo, trocando carinhos. A crônica, Teresa, dá-nos a possibilidade de viver com a cronista os seus momentos do cotidiano, com a clareza e vivacidade tão própria desse estilo literário. Com o talento que tens, os fatos do cotidiano estarão sempre à tua espera para transformá-los em crônica.
    Gostei muito dessa bela narrativa.
    Beijo
    Pedro

    ResponderEliminar
  7. É o que se pode dizer uma semana bem passada, venham outras.
    Um abraço e continuação de boa semana.

    Andarilhar
    Dedais de Francisco e Idalisa
    O prazer dos livros

    ResponderEliminar
  8. Os netos são uma perdição. Mas uma das melhores perdições que há na vida.
    Mas quando eles vão embora a casa fica vazia...
    Amiga Teresa, um bom fim de semana.
    Beijo.

    ResponderEliminar
  9. Teresa Querida, tinha um comentário longo sobre a tua Madalena e o tempo que passei com o Lucas e Eduarda. Acabou esse tempo e a casa e os dias ficaram tristes e vazios; triste também fiquei quando de repente, o comentário desaparece; estou na cama, com o tablet e já são duas da manhã e não vou repetir tudo, pois o sono é capaz de atrapalhar. E melhor ficar para outro dia, para não sair asneira. Deixo-te aquele abraço apertadinho e os votos de uma noite tranquila
    Depois " conversamos!!!
    Um beijinho também.
    Emilia

    ResponderEliminar