11 maio, 2018

"Mar Português" - poema de Fernando Pessoa

Ó mar salgado, quanto do teu sal
São lágrimas de Portugal!
Por te cruzarmos, quantas mães choraram,
Quantos filhos em vão rezaram!
Quantas noivas ficaram por casar
Para que fosses nosso, ó mar!
 Valeu a pena? Tudo vale a pena
Se a alma não é pequena.
Quem quer passar além do Bojador
Tem que passar além da dor.
Deus ao mar o perigo e o abismo deu,
Mas nele é que espelhou o céu. 


"Mar Português" de Fernando Pessoa, um dos poemas mais lidos, ouvidos, declamados, carregados de simbolismo e marcantes da Poesia Portuguesa.
Eu, portuguesa transmontana que gosta de versos, cada vez que o leio mais me encanto com o mar do meu país.
O mar português é LINDO!!

27 comentários:

  1. Valeu bem a pena ... uma vez que além de olhares sempre surpreendentes ... vieram palavras com HISTÓRIA!!!
    bj

    ResponderEliminar
  2. MARAVILHOSA poesia e as fotos perfeitas!Adorei! bjs, chica e desejo ótimo fim de semana!

    ResponderEliminar
  3. Nossa... tão lindo quanto triste! Fernando Pessoa transborda corações, ora de tristeza, ora de sabedoria e verdades. Por isso que está sempre no topo! Bela essa tua postagem, e que fotos!
    Beijo, querida amiga.

    ResponderEliminar
  4. Memória viva
    este mar desgrenhado
    Bj

    ResponderEliminar
  5. Lindas paisagens, belíssimo poema!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada, Ana Paula e bem-vinda.
      Vou espreitar o seu "Caos".
      Beijo.

      Eliminar
  6. Tão giro. Fotos lindas. Estou a visitar blogues pois só agora me iniciei como blogueira e gostaria de ter muitos blogues amigos. Faço-me seguidora, agradecendo a retribuição. Obrigada pelo carinho.
    * Olhares e Deslumbres *
    Um feliz Sábado.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Bem-vinda, Nataline!
      Já estou seguindo você.
      Beijo e bom domingo.

      Eliminar
  7. Que bonitas imagens para retratar esta deliciosa poesia! :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Bem-vinda, Daniela!
      Já espreitei o seu "Palavra-padrão". Gostei! Vou voltar para ler e ver, com calma.
      Beijo.

      Eliminar
  8. Bom dia, querida Teresa

    Dia bonito hoje, hein?!!!

    Prazer imenso ler este poema aqui. E para mim tem uma história muito interessante:

    A minha filha, voltou da escola (terceiro ano do básico) com a incumbência de declamar um poema numa festa da mesma. Qual havia de ser? Peguei na "Mensagem", o pequeno-grande livro de Pessoa, e abri-o na página que traz o "Mar Português". Ela, cansadíssima do dia intenso (escola, tpc, banho, jantar) já não aguentava mais a tarefa de praticar a declamação. Disse-lhe para se deitar e descontrair e ouvir. Li-lhe o poema umas três vezes e de manhã ela própria o leu com a mesma entoação. Nunca mais o esqueceu e, de vez em quando, declamamo-lo juntas.

    Fartei-me de rir com o teu comentário a propósito do meu PC. Não está resolvido o problema. Ontem tentei escrever alguma coisa mas a muito custo. Estou a comentar do tlm.

    Bom domingo, minha amiga.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Que lindo! Sabes Olinda, também eu tenho uma história relacionada com este poema. A professora da primária (no meu tempo era assim) mandou-nos decorar o poema para declamarmos na aula. Eu memorizei-o e aguardei eufórica pelo dia da "apresentação". Não brilhei! Não fui uma das 3 alunas chamadas para, no estrado, o declamarem para o resto da turma. Fiquei tristíssima! E tristíssima continuei durante dias. Foi o meu pai que pôs fim a tanta tristeza pedindo-me para o declamar para ele. Ele aplaudiu e eu repeti vezes sem conta. Um dia fartei-me do "mar português" e silenciei. Recordo, agora, que o meu pai nunca me perguntou por ele. Talvez se tenha cansado de me ouvir...

      Comentário colocado do pc do maridão. O meu... continua (e vai continuar durante duas semanas) "hospitalizado".
      Beijo e bom domingo.

      Eliminar
  9. Boa tarde. Visitando e como sempre, ficando fascinado com a sua publicação. Simplesmente brilhante.
    .
    * Mulher = Ventre de Vida...( Poetizando) *
    .
    Votos de um domingo feliz

    ResponderEliminar
  10. Ficou maravilhosa a forma como apresentou este belíssimo poema de Fernando Pessoa.
    Bom domingo minha amiga
    Beijinhos
    Maria
    Divagar Sobre Tudo um Pouco

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Maria, porque me tratas tu por você?
      Será porque "roubo" flores do teu jardim?
      Beijo e boa semana.

      Eliminar
  11. O mar é lindo e essas fotos também!
    Das palavras, pois claro... :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sabes Luisa, gosto de fotografar e amo o mar de paixão... Por vezes, a foto sai linda.
      Fotos lindas, sempre lindas vejo eu no teu blogue.
      Beijo.

      Eliminar
  12. Estou a ver que também queres fazer-me chorar, Teresa. Não tive de declamar nenhum poema, mas tive de estudar muitos a fundo, interpretando-os ao minimo pormenor o que fez que, durante muitos anos não pudesse ver poemas e tlivros dos nossos clássicos. Isso ja me passou e, por isso lei-os com muito mais interesse; sendo assim, estás perdoada. Perdoo-te qualquer coisa, porque além de seres minha amiga, indicas aqui muitos livros interessantes e a frase do teu último post é do livro que comprei na semana passada, mas que ainda não
    comecei a ler. Como poderei zangar-me contigo? Além do mais, com essas belas fotos do nosso mar, o poema ficou ainda mais belo. Não te sabia tão boa fotógrafa e por isso os meus parabéns . Sempre que quiser comprar um livro virei aqui, mesmo sem pedir licença, certo? Deixas sempre a porta aberta e eu vou entrando...
    Beijinhos, querida amiga e desejo-te uma boa semana.
    Emilia

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Bom dia, amiga Emília!
      Começo por dizer que para ti (e para quem vier por bem...) a minha porta está sempre aberta. Depois, que podes tirar tudo: livros, versos, frases, fotos.. TUDO!
      O livro de onde saquei a frase é excelente. Quando fores iniciar a leitura tem ao lado um lápis e um caderninho para anotares certas (muitas) coisitas. Não esqueças.

      Fazer-te chorar, eu? Só de alegria, tá?!
      Obrigada pelo carinho. Beijo e boa semana.

      Eliminar
    2. E de emoção? Também podes!!!
      Beijinhos, amiga do coração
      Emilia

      Eliminar
  13. As imagens casam com as letras e formam uma união lindíssima.
    Bjs, boa semana

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É assim Pedro, ainda vai havendo "casamentos perfeitos"...
      Beijo e boa semana.
      (vou rápido para o teu blogue... estou a necessitar de uma pílula de alegria)

      Eliminar
  14. Bom dia Teresa!
    Que maravilhosas imagens e
    que belas palavras.
    Encantada desejo
    Ótima nova semana
    Bjins
    CatiahoAlc.

    ResponderEliminar
  15. Fantástica a conjugação das imagens com o poema "Mar Português" de Fernando Pessoa, desse livro tantas vezes esquecido que é a "Mensagem".
    Gostei imenso.
    Uma boa semana.
    Um beijo.

    ResponderEliminar
  16. É muito ele. E não pertence a ninguém. Mas se a alguém tiver apêgo, há-de ser aos portugueses. Que tantos guarda e fez seus.

    ResponderEliminar
  17. Teresa, vim avisar que acaba de entrar um céu teu lá! Podes ver aqui:

    https://ceuepalavras.blogspot.com/2018/09/blog-post_14.html

    Obrigadão! bjs, chica

    ResponderEliminar
  18. Oi,Teresa, vim avisar que acaba de entrar um céu teu lá!Obrigadão! Podes ver:

    http://ceuepalavras.blogspot.com/2018/11/blog-post_3.html

    beijos, chica

    ResponderEliminar